Vale a pena pagar a anuidade da Worldpackers para viagens curtas?

A Worldpackers é apenas para viajantes de longo prazo? Ou será que vale a pena pagar a anuidade para fazer uma viagem de curta duração? É o que vamos descobrir neste post.


83c7d46f2267b3467948759dc509165d

Juliana @virandogringa

Fev 14, 2019

Tradutora e autora do Virando Gringa, segue lá! Gosta de falar de mochilão, dicas de intercâmbio, vida de nômade digital muitas outras coisas. Conh...

A anuidade da Worldpackers também pode valer a pena para aqueles que fazem viagens mais curtas

Muita gente diz que não consegue viajar porque o dinheiro não dá. Porque viajar é caro. Será mesmo? A grande maioria das pessoas acaba extrapolando gastos em uma viagem por mera desinformação ou distração.

Planejar os gastos de viagem não é fácil quando a gente está apenas querendo relaxar na viagem e deixar os problemas lá em casa, né? Mas é importante pensar sobre quanto custa viajar, afinal, ninguém quer voltar de uma viagem incrível tendo que lidar com dívidas. Desse jeito, toda a tensão que deixamos pra trás na viagem volta com força total!

Quando pensamos em planejar orçamento de viagem, a hospedagem acaba sendo um dos maiores gastos. Uma diária de hotel em um destino turístico pode ser uma facada, principalmente na alta temporada! Porém, não podemos esquecer que existem opções mais baratas de hospedagem

Para quem quer economizar na viagem, hostels e outras opções de hospedagem alternativa são uma ótima pedida. E não pense que por isso vai ser menos confortável, ou vai ser uma hospedagem de baixa qualidade. 

Hoje em dia o mercado de hostels evoluiu muito e tem hostel por aí que supera a qualidade de hotel! Veja por exemplo esse hostel na Vila Mariana, ou esse hostel na Oscar Freire, em SP. Ou ainda esse hostel no Rio de Janeiro.

Quem já está inteirado das vantagens de se hospedar em hostel pode dizer: “Legal Ju, conheço hostels, mas não posso usar Worldpackers porque só tiro férias uma vez por ano”.

Será mesmo que não? Com certeza a Worldpackers é um prato cheio pra quem quer fazer uma viagem de longo prazo, mas vamos falar sobre como usar Worldpackers em uma viagem curta?

Como existe uma anuidade para ser membro da Worldpackers, às vezes pode dar a impressão de que só vale a pena se a pessoa for viajar o ano inteiro. Se pensarmos bem, não precisa viajar o ano inteiro para perceber que a anuidade da Worldpackers vale a pena. Olha só:

A Worldpackers pode ser ideal pra quem quer economizar na viagem de férias mais “tradicional”, ou seja, para quem trabalha em regime CLT, ou num horário de trabalho com pouca flexibilidade. Com a recente mudança nas leis trabalhistas, é possível tirar férias com duração de 10, 15, 20 ou 30 dias, dependendo do acordo entre funcionário e empresa. Sabendo disso você pode pagar a anuidade e aproveitar para fazer várias viagens no ano, fazendo valer a pena.

1. Vale a pena mesmo pagar a anuidade da Worldpackers?

Vale a pena porque permite que sua viagem caiba no seu bolso, mesmo se estiver sem grana!

Acompanha comigo: um hotel de baixo custo, como, por exemplo, o Ibis Budget, cobra por volta de R$160 a R$190 por uma única noite em capitais como Belo Horizonte ou São Paulo. Um quarto privado em hostel em São Paulo pode custar na faixa de R$90 a R$150 por noite. Não preciso nem falar que o custo normal de uma diária de hotel (sem ser um hotel budget ou econômico) pode ser absurdamente maior que isso, de R$300 a R$500, e por aí vai.

A anuidade da Worldpackers custa $49 (dólares), ou seja, por volta de R$185, mas valendo por um ano inteiro. Você pode economizar em várias pequenas viagens no ano, pois existem anfitriões que aceitam voluntários por alguns dias ou uma semana. Não necessariamente você precisa passar um mês inteiro ou vários meses trocando trabalho por hospedagem.

É interessante lembrar também que os preços de hostels e hóteis podem variar de acordo com a temporada. Por exemplo, pegar um hostel em Amsterdam em pleno verão europeu vai sair bem mais caro do que reservar o mesmo hostel numa época menos procurada, como o inverno extremo. Essa variação de preços pode prejudicar seu planejamento de custos de viagem, mas caso você decida por viajar usando a Worldpackers, a anuidade vai ser sempre a mesma, o preço não vai mudar por temporada, o que facilita bastante pra saber quanto vai custar a viagem de fato.

Você pode inclusive aproveitar desse preço fixo e tentar encontrar um anfitrião para te receber na alta temporada, que é justamente a época que mais precisam de voluntários! win-win!

Com a Worldpackers você paga uma vez só e pode se hospedar em vários hostels diferentes, contribuindo com algumas horas de ajuda no dia. Imagina só, pegar um hostel que pede quatro horas de ajuda por dia. Sobram ainda muitas horas no dia para curtir a viagem, e você pode ganhar café da manhã, drinks, passeios e outras coisas dependendo do anfitrião.

É uma troca boa para você e para quem te recebe!

Além do preço, vem a nova experiência. Pagar para ficar num hotel pode parecer mais cômodo, de fato. É cômodo quando você tem o dinheiro pra disponibilizar, porém muita gente acaba não tendo. 

Conhecer o proprietário ou proprietária de um local novo, interagir com quem faz aquele negócio acontecer é um aprendizado imperdível. Conhecer um empreendedor local pode te trazer aprendizados que você não teria como hóspede de um hotel, pois infelizmente a experiência acaba sendo mais “distante” ou “fria”.

Convenci vocês? Então agora está na hora de botar a mão na massa!

2. Como planejar uma viagem de curta duração pela Worldpackers

Para encontrar anfitriões que aceitam viajantes por um período curto, basta filtrar nas opções. Se estiver no desktop, basta selecionar do lado esquerdo da tela a opção de viagem “Curta”, ou filtrar as opções se estiver no aplicativo.



Com essa opção você consegue encontrar anfitriões que precisam de ajuda por períodos mais curtos, de dias ou semanas. O procedimento é o mesmo que para os períodos longos: você precisa preencher seu perfil com as habilidades que tem a oferecer e o anfitrião oferece hospedagem (e refeições) em troca da sua ajuda.

Por que não baratear este pouco tempo que você tem para relaxar? Assim sobra mais dinheiro pra um passeio, um drink ou um presente :)

Worldpackers é uma nova forma de viajar. Quem sabe não é a sua?

Confira minhas experiências com a Worldpackers no meu perfil de expert, no blog Virando Gringa, ou me segue no instagram e vamos bater um papo sobre isso.


83c7d46f2267b3467948759dc509165d

Juliana @virandogringa

Fev 14, 2019

Tradutora e autora do Virando Gringa, segue lá! Gosta de falar de mochilão, dicas de intercâmbio, vida de nômade digital muitas outras coisas. Conh...


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor